Revolução Fintech na América Latina

Startups de toda a região estão tentando resolver problemas financeiros causados ​​em grande parte por sistemas que pararam no passado. Os empresários apostam fortemente na renovação de processos que vão desde o crédito ao consumo, gestão de patrimônio, seguros, meios de pagamento e banco digital.


Nos últimos cinco anos, o número de startups de Fintech na região teve um aumento constante ano após ano. Em 2015, a América Latina tinha 387 empresas Fintech, atualmente são ao redor de 1.300.


A América Latina abriga alguns dos países que mais crescem em termos de penetração da Internet e adoção de smartphones. O acesso digital é muito importante para que as Fintechs possam atingir usuários que antes não tinham acesso.


Os aplicativos financeiros têm tecnologias inovadoras e disruptivas que desafiam os bancos convencionais e que realmente buscam aumentar a taxa de inclusão financeira na América Latina.


40% da população latino-americana ainda não tem banco e abaixo vamos listar algumas das Fintechs que estão trabalhando para que esse número mude:


Nubank

A Startup brasileira está desenvolvendo “soluções simples, seguras e 100% digitais para que as pessoas tenham controle sobre seu dinheiro, literalmente na palma da mão”.


Seu principal objetivo é ter toda parte positiva de um banco, como ter um lugar seguro para guardar seu dinheiro, fazer pagamentos e ter acesso a um cartão de crédito, e eliminar toda parte negativa, como taxas de transferência, processos burocráticos e altas taxas de juros.


A Nubank é uma das principais Fintechs do Brasil e recentemente começou suas operações no México e na Colômbia.


O Brasil é o único país da América Latina com quatro unicórnios Fintech, além do Nubank, PagSeguro, Stone e EBANX também fazem parte do clube.


Konfio

A Konfio, com sede no México, é uma plataforma de empréstimos online que usa algoritmos próprios de avaliação de crédito e análise de dados para aprovar empréstimos a pequenas e médias empresas mexicanas.


A Konfio também implementou um processo 100% digital para aprovação de cartões e créditos.


Flink

É uma plataforma que oferece cartões de débito/crédito virtuais, para economizar e também investir. Isso tudo sem nenhuma comissão.


Flink México é uma fintech que oferece débito em conta como qualquer outra conta de banco com a diferença de que você pode investir no mercado financeiro. Através do aplicativo você pode comprar ou vender ações sem comissões.


Albo

O Cartão Albo é uma conta de débito, um cartão em que você deposita dinheiro e pode gerir toda sua conta através do app. Sem falar que a Albo te permite ver todas as suas operações realizadas em tempo real pelo app.


O processo de abertura é 100% digital e é feito a partir do aplicativo com dados pessoais, identidade e número de celular.


Não tem comissões de utilização e nem exige um depósito mínimo.


Ualá

É uma Fintech Argentina, um aplicativo de banco virtual que oferece um cartão MasterCard pré-pago para ajudar os usuários a acessar vários serviços como pagamentos online, investimentos e crédito. Você pode administrar todas as suas finanças em um único aplicativo que é fácil, gratuito e seguro.


Ualá já emitiu mais de dois milhões de cartões e arrecadou 194 milhões de dólares.


Fintonic

A app de gestão de finanças pessoais, fundada em Madrid, permite centralizar toda a sua informação financeira (como contas, cartões de débito e crédito, empréstimos, etc.) num só lugar.


Os usuários podem economizar dinheiro categorizando suas despesas, definir limites para elas e também criar orçamentos personalizados.


Fintonic tem escritórios no Chile e no México.


Sonect

Fundada em Zurique em 2016, a Sonect facilita o acesso ao dinheiro transformando as lojas em caixas eletrônicos. Os usuários podem sacar dinheiro em lojas, usando apenas o aplicativo.


O serviço se tornou popular no México, onde caixas eletrônicos costumam ser alvo de crimes.


Controlar os gastos pode ser uma tarefa muito difícil, por isso acreditamos ser fundamental que você conheça um pouco mais dos apps que estão revolucionando o mundo financeiro na América Latina.